Facebook

Eu vou te processar.

on jun 24, 2013 in Sem categoria | 0 comments

Share On GoogleShare On FacebookShare On Twitter

Eu já entendi tudo e tu nem precisa me dar explicação. Entendi cada linha do teu plano, cada pdf, ppt, doc e todas as conversas de skype que tu tivestes que eu nunca ouvi. E não adianta me olhar com essa cara de poodle sem dono, pedir carinho ou achar que estou jogando verde, não, eu não estou, eu definitivamente entendi todo esse teu plano maquiavélico para cima do meu humilde e completamente com dona, coração.

Este é um pequeno comunicado: eu vou te processar. Processar por tu tentares fazer eu ter uma parada cardíaca em locais inapropriados. Processar por tu me causar transtornos obsessivos compulsivos. Processar por esse crime que tu vens fazendo e achando que eu nunca descobriria. Aliás, vou processar todos os teus comparsas que estão tramando juntamente contigo: O administrador da linha telefônica da minha empresa, Mark Zuckerberg, o inventor do Skype e o gênio do Whatsapp. Esses teus amiguinhos que me fazem ficar pulando de um meio-digital-analógico para o outro esperando algum sinal de vida da tua pessoa e quando por alguma ironia do destino isso acontece e eu acho que vou receber alguns escritos que eu gostaria de ler, recebo uma linha -tu bêbada pedindo socorro-, e eu pronto para ajudar.

Quando alguém de fora pergunta sobre nós ou simplesmente não entende o que acontece e como aconteceu entre a gente, eu gosto de falar que é tudo uma armação e que isso nunca havia passado pela minha cabeça. Gosto também de criar teorias conspiratórias na minha cabeça, falar que eu vou te roubar para mim, e vamos iniciar um novo reino dentro das nossas imediações. Talvez sejamos uma dupla meio que Mario e princesa Peach, algo que eu tenha que pegar alguns cogumelos, destruir algumas tartarugas, e passar por diversos Bowsers Koopas antes de chegar no merecido prêmio.

Gosto dessas sensações que nós mesmos criamos e continuamos a alimentá-la, das dúvidas, das incertezas, das expectativas e de te mandar e receber mensagens de madrugada. Dá sensação de ‘não ter algo certo’ e ‘não saber o que tá rolando’. Eu sempre gostei das certezas, e de ter caminhos incertos, mas que estivessem no mínimo rasurados e com trevos que levassem a lugares previamente pensados. Mas isso, isso é a coisa mais não-elaborada que eu já tive que vivenciar.

Mas parece que finalmente eu sou bom em alguma coisa, ainda que seja em não saber onde isso vai dar e não saber o que falar. Além, é claro, do fato de te tirar da tua realidade e te trazer para o meu mundo paralelo onde tu consegues esboçar alguns sorrisos, risos, e esquecer um pouco dessa tua vida conturbada.

Mas calma aí, do que eu estou falando? Eu quero mesmo é te processar pelo que tu estás fazendo comigo!

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>