Facebook

Odores e lençois

on jun 24, 2013 in Sem categoria | 0 comments

Share On GoogleShare On FacebookShare On Twitter

Eu queria que alguém entrasse na minha vida! Como um pássaro entra numa cozinha e começa a quebrar as coisas, batendo em portas, janelas, pratos, e tudo maisque conseguir, deixando caos, destruição e fazendo com que tudo fique exuberado ao quadrado, fazendo eu me sentir vivo e compartilhando dessas experiências. E em um momento tão oportuno que tu surges novamente por aqui. Sem saber ao certo o que está fazendo, mas agora um pouco diferente, querendo um pouco mais e oferecendo um pouco mais. Da mesma forma, do mesmo jeito, com os mesmos erros e o mesmo sorriso. Tu surges sem perguntar nada, apenas para invadir a cozinha e quebrar tudo. Uma espécie de desfibrilador para a minha vida, fazendo eu voltar a respirar e acreditar.

Te descobrir, te reinventar, ou te decifrar é muito pouco para o que eu quero. Eu quero atravessar o teu corpo inteiro como um capitão cruza um oceano e não preciso de um transatlântico para me apoiar. Deixar arranhões em partes não vistas para tu te lembrares quem foi que os deixou. Quero te fazer mulher logo cedo pela manhã, retirar os gemidos mais inóspitos da tua pessoa e fazer com que tu peças mais. Ouvir tua voz ofegante e receber tudo o que tu tiver para me oferecer. Te tirar do corpo no teu mais sublime orgasmo enquanto eu fico apenas assistindo. Nada de hidratantes, perfumes ou qualquer coisa desse gênero. Apenas os nossos odores e corpos juntos dançando e se movimentando como um só. A tua roupa mais íntima sendo jogada para fora da cama, sofá ou para longe de qualquer outro lugar é o momento em que eu posso dizer: minha.

Não quero te definir, isso está longe da minha área de atuação. Porém toda manhã quero acordar sabendo que de alguma forma tu vais me surpreender. Quero te ver trocar de roupa quantas vezes for necessário e te ver desfilando pela casa usando apenas calcinha-e-sutiã em um passo tão sutil quanto o teu sorriso. Quero te devorar com os olhos enquanto você está na dúvida entre o vestido-costas-abertas ou o vestido-preto. Quero morder cada parte do seu corpo, como tu merece. Saber que antes de tirar a última peça de roupa, tenho que brincar com o teu ego, com a tua pessoa, entender cada parte milimétricamente e saber que essa última parte é a parte essencial de toda essa brincadeira que nos envolvemos.

Quero lamber a ponta do teu seio e te tirar um leve suspiro pedindo mais. Quero que tu se entregue e saiba que é mais do que um sexo-gostoso-do-final de semana.

Café da manhã na cama, jantares, roupas e tudo mais o que tu desejar. Quero ver tu pegar no sono encostada no meu peito ou então começar a rir sozinha por ser mais um final de semana que não saímos do quarto e as pessoas lá fora podem estar preocupadas.

Quero tudo e mais um poucoContigo.

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>